hgp 7º $@rok!nh@

24.9.06

Um dia como Homo Sapiens! !

Esta manhã eu e a minha mãe saímos para apanhar os frutos silvestres que encontrávamos pela planície, as sementes das ervas e raízes que a minha mãe achava que se podiam comer. Era difícil manter esses alimentos dentro dos recipientes improvisados de pele que a minha mãe preparara. Antes de sairmos deixamos já as peles dos animais mortos no dia anterior raspadas e estendidas a secar ao sol. Mais tarde a minha mãe e as outras mulheres farão as nossas roupas com elas e consertarão as tendas.

O meu pai e o meu irmão saíram com o resto do grupo para caçar. O meu pai tinha feito alguns utensílios com pedras, osso e paus. Talhou as pedras e o osso de modo a deixá-los aguçados em ponta ou fio como uma lâmina e prendeu-as numa das extremidades dos paus que retirara dos ramos das árvores. Estas lanças e machados afiados eram fundamentais para caçar animais de grande porte tais como o mamute, o javali, o touro, o bisonte, o tigre. O grupo prepara armadilhas onde os animais caem sendo só necessário depois matá-los.

Agora, ao anoitecer, esperamos que regressem… as mulheres já esmagaram os grãos e prepararam os frutos, só falta a carne para a refeição da noite. Quando os homens chegarem um deles acenderá a fogueira onde se assará a carne.

2 Comments:

At 10/06/2006, Anonymous Sónia Cruz said...

Parabéns pelo teu texto!
Muito bem!

 
At 1/05/2014, Anonymous Anónimo said...

Muito querido e educativo...

Parabéns ;)

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home